Carnaval 4.0: conheça a proposta tecnológica da Rosas de Ouro para 2020

Carnaval 4.0: conheça a proposta tecnológica da Rosas de Ouro para 2020

carnaval 4.0 tecnológico digital rosas de ouro 2020

Carnaval 4.0: já imaginou um carnaval digital? Essa é a proposta que a Rosas de Ouro vai levar para a avenida em 2020. Com o enredo “Tempos Modernos”, a Rosa quer mostrar para o público a revolução tecnológica que vivemos. Por isso, vai ter tecnologia do abre alas até a dispersão da escola.

 

“A gente tinha uma preocupação, que é a escola de samba totalmente longe desse universo da tecnologia. Mas esse enredo para nós vai ser um desafio” explicou André Machado, carnavalesco da escola, em entrevista para Rede Globo.

 

A ideia surgiu depois do Brasil ter caído no último ano 4 posições num ranking mundial de inovação. Assim, a escola espera utilizar do carnaval para popularizar a tecnologia. Durante o desfile, a escola apresentará um telão que mostrará os batimentos cardíacos dos passistas, além de um robô sambista e outras incríveis interações tecnológicas.

 

+ Redes sociais geram ansiedade e depressão em jovens brasileiros

 

“A ideia não foi colocar a tecnologia no carnaval, mas sim como a gente conta para o Brasil que a tecnologia que impulsiona a quarta revolução tem que ser absorvida para melhorar o país” explicou Ari Costa, professor do Instituto Mauá de Tecnologia e um dos idealizadores das ideias que serão apresentadas. 

 

“É um baita desafio, foi uma baita coragem da Rosas aceitar levar a tecnologia para a avenida. Mas a gente está falando do maior desafio da humanidade, do maior espetáculo da terra, que é onde ela (a tecnologia) tem que estar” comentou Elcio Brito, membro do comitê de gestão do “Carnaval 4.0” da Rosas de Ouro.

 

A tecnologia de ponta vai ajudar a contar toda essa história. O robô sambista, por exemplo, é uma máquina inteligente que vai “aprender a sambar” com uma das passistas da escola. 

 

“A gente ta criando um algorítimo pra copiar o passista de verdade da escola, que vai ensinar o robô a sambar. A ideia é através da tecnologia desse algoritmo, com alguns sensores, a gente captar o passista e transferir para a realidade aumentada” explicou André Cerdeira, produtor executivo do projeto.

 

+ Em entrevista, L_Cio conta sobre os planos para 2020

 

No sambódromo o público vai poder usar o smartphone para reproduzir o robô em realidade aumentada. Além disso, as fantasias contarão com QR Code que irá direcionar o público para páginas com informações sobre o enredo e da escola. Existirão ainda outras novidades tecnológicas para o “Carnaval 4.0”, mas que a escola está preservando em segredo.

 

Todas as ferramentas estarão disponíveis para o público em um aplicativo. A Rosas de Ouro será a última escola a se apresentar, no segundo dia, sábado 22 de Fevereiro. 

 

Siga Portal Mundo no Instagram, Youtube e Facebook

 

Já viu nossos vídeos? Não? Então conheça a TVMundo e desfrute do nosso conteúdo audiovisual!

 

Entrevista com Vegas – Mundo Psicodélico Festival 2019

 

 

Entrevista com Hi Profile – Mundo Psicodélico Festival 2019

 

 

 

 

 

Comentários