Como tratar uma mulher e porquê esta fórmula não existe

Como tratar uma mulher e porquê esta fórmula não existe

como tratar uma mulher

Amigo leitor ou amiga leitora, primeiramente, saiba que este conteúdo possui título que beira o paradoxo no intuito de te ludibriar pois não existe fórmula especial de como tratar uma mulher.

 

Por quê? Bom, é simples: o dia de hoje, o 08 de Março, o Dia Internacional da Mulher, é historicamente marcado por lutas, reivindicações e protestos por igualdade de gênero. Por isso, não se deve existir uma maneira especial ou adequada de se tratar uma mulher.

 

Por certo já escutou de seu pai, de seus tios, amigos e demais parentes que uma mulher deve ser tratada com gentileza, cortesia, que se deve abrir a porta do carro para ela, etcetera, etcetera. Bom, então, esqueça. Essas são construções do patriarcado. E ele, o patriarcado, está com câncer morrendo sozinho na UTI do SUS.

 

+ Turismo sustentável como forma de curtir as férias sem atacar o meio ambiente

 

Por isso, o que realmente existe são princípios básicos e éticos nas relações interpessoais e que devem ser seguidos independente da pessoa, do gênero, da cor, da profissão, da raça; independente de qualquer coisa.

 

Como tratar uma mulher: apenas seja o mesmo 

 

Em resumo, seja educado e gentil com todo e qualquer cidadão. Envie flores aos seus amigos. Abra a porta do carro também para homens, que seja seu colega, seu professor ou um idoso à beira de um táxi em sua frente. Todo mundo merece receber uma espécie de porção diária de cortesia. Faz bem pra alma. Nos faz crer em dias melhores. Dá esperança.

 

Em princípio, essa ladainha que desvirtua crianças e adolescentes acaba repassando um sexismo que vem sendo superado e deixado para trás. Mulheres lutam há mais de um século – talvez há dois, talvez desde o início dos tempos – em busca de igualdade de gêneros, em busca de reconhecimento, liberdade sexual, intelectual e civil, autonomia profissional, dentre outras reivindicações.

 

+ Segundo estudo, mulheres que fumam maconha têm orgasmos melhores e mais satisfatórios

 

Por isso, você deve tratá-las da mesma forma que trata os demais, seus amigos, seus familiares, seu pai, sua mãe. Na verdade, impunha um pouquinho mais de estima e afeição em seu tom devido ao que elas passam/sofrem com o machismo ainda operante e soberano na sociedade.

 

Ações & Reações 

 

Deixa as mina falar quando estiverem falando. Seja então um perfeito ouvinte. Deixe-as beijar da mesma forma que tu beijas. Elas não são putas por isso. Pelo contrário, ninguém é, nem você. Deixe-as beber, foder, gozar, gemer, falar merda. Todo mundo na vida um dia se exalta. Na verdade, espera. Você não tem que deixar nada. Apenas aceite e respeite. Aceite-as com a mesma honestidade que você aceita aquele ou aquela que mais admira. Acredite, você será respeitado por isso. É a magia da reciprocidade.

 

Principalmente expresse seus sentimentos de forma que não seja na intenção de enganá-las. Isto é, seja você mesmo, ou melhor, seja a parte mais natural de você. Agora, se esta parte for rude, grosseira e/ou agressiva: se afaste. Você não é digno o bastante da raça humana. Vá se relacionar com ogros ou tigres. Lá você encontrará a reciprocidade que mencionei acima.

Já viu nossos vídeos? Conheça a TVMundo e desfrute do nosso conteúdo audiovisual! 

 

Entrevista com Vini Vici – Mundo Psicodélico Festival 2018 

 

 

Entrevista com Mandragora – Mundo Psicodélico Festival 2018

 

Comentários