Filme sobre Ayahuasca revela segredos milenares

Filme sobre Ayahuasca revela segredos milenares

Um filme sobre Ayahuasca, de produção nacional, está desvendando mistérios e mitos sobre a poderosa planta de poder dos povos indígenas da Amazônia. 

 

Primeiramente, todos sabem o quanto é precário o conhecimento da sociedade acerca da Ayahuasca. Perante a falta de informações concisas e coerentes a respeito dessa medicina sagrada, utilizada a milênios por indígenas na floresta amazônica, surgiu a ideia de produzir o filme sobre Ayahuasca chamado “Ayahuasca, o Espírito da Floresta”. A produção é das produtoras nacionais Brasil Raiz Cine 1 & Ideias Ideias.

 

Há quatro anos atrás, após passar por sua primeira experiência com Ayahuasca, o diretor Bruno Veiga Valentim sentiu uma necessidade pessoal de iniciar uma pesquisa mais elaborada sobre o sacramento não só em linhas espirituais, mas também seu impacto social, psicológico e científico.

 

+ Composto encontrado na Ayahuasca combate a depressão

 

A partir de então, dentro deste período, o diretor participou de mais de 150 rituais com a Ayahuasca. Todas dentro de linhas xamânicas, do Santo Daime, em linhas nativas com os povos Huni Kuin, Yawanawá, Shipibo, entre outras. Também, em linhas Neo-Ayahuasqueiras, que atuam dentro do panteão afro-brasileiro, cantando para Orixás, como a Umbanda e Ifá, como também linhas Hinduístas, que cantam para Shiva, Ganesha, Krishna entre outros.

 

Todos os rituais influenciaram o produtor. Estes então colaboraram para a decisão de transformar experiências e contatos em um filme documentário longa metragem.

 

Futuro da produção do filme sobre Ayahuasca 

 

Durante as filmagens do longa, também foi produzida uma versão menor em formato de curta metragem, em parceria com o Canal Futura, intitulada “Ayahuasca, o Chicote da Alma” e que foi transmitido em Janeiro desse ano. Para assistir, clique aqui.

 

Filme sobre Ayahuasca

 

Os critérios de escolha para entrevistas foram construídos em cima da pesquisa e dos direcionamentos que os próprios entrevistados passaram. Foram feitas, por exemplo, filmagens em Nova York e República Tcheca. Tudo em busca do que há de mais avançado nos estudos sobre a Ayahuasca.

 

Além disso, está nos planos da produção visitar, além de outros locais, o Céu do Mapiá, uma das sedes principais do Santo Daime e as tribos da floresta Amazônica, considerada o coração da Ayahuasca.

 

+ ONG oferece Ayahuasca aos detentos como terapia de cura 

 

No entanto, até o momento os produtores arcaram com recursos próprios todas as despesas. Sendo assim, para continuarem o projeto é necessário que os interessados contribuam.

 

Para mais informações, conheça o Ayahuasca Portal. Colabore com a cultura nacional e com a difusão de saberes ancestrais!

 

Comentários