Museu do Amanhã pode ser fechado junto com outros espaços culturais do RJ

Museu do Amanhã pode ser fechado junto com outros espaços culturais do RJ

Museu do amanhã pode fechar devido à falta de verba. Cidade das Artes também pode fechar

O Museu do Amanhã pode ser fechado junto com a Cidade das Artes e o Museu de Arte do Rio (MAR), três dos principais pontos culturais do Rio de Janeiro, devido à falta de verbas.

 

A situação é semelhante em todos os órgãos, que vêm sofrendo corte no orçamento há anos.

 

Segundo o Instituto de Desenvolvimento e Gestão (IDG), responsável pela gestão do Museu do Amanhã, o orçamento deste ano do seu é de R$33 milhões, e que a prefeitura acordou um repasse de R$2 milhões, mas só depositou R$580 mil até o momento.

 

Em 2016, foram repassados R$ 20 milhões; em 2017, R$12 milhões; e, no ano passado, R$5 milhões.

 

Museu do Amanhã é o museu mais visitado da América Latina. (FOTO: Bernard Lessa)

 

Sobre o possível fim do contrato e o Museu do Amanhã poder ser fechado, o IDG diz que a paralisação do museu colocaria em risco não só os seus sofisticados equipamentos, como a programação. “As atividades de programação só podem ser planejadas até o final do período do contrato. Após novembro, não há definição sobre a manutenção da agenda de atividades do museu.”, afirma o instituto.

 

+ Exposição imersiva do Batman chega a São Paulo

+ Google e Apple recebem multa milionária por violação de privacidade do aplicativo ‘FaceApp’

 

Apesar do contrato estar próximo de vencer (30 de Novembro), o diretor-executivo de Museu do Amanhã, Henrique Oliveira, demonstra otimismo. “[…]Preocupa-nos, enquanto cidadãos cariocas, qualquer possibilidade de suspensão operacional deste que é o museu mais visitado do Brasil. Mas estamos confiantes que a prefeitura está atenta, e encontrará a melhor opção para que o equipamento público permaneça sendo essa referência local, nacional e mundial”, afirmou.

 

Museu de Arte do Rio e Cidade das Artes

 

Segundo o MAR, nos últimos meses, a prefeitura arcou com 70% do então orçamento de R$ 1 milhão por mês. A gestão é feita pelo Instituto Odeon, uma associação privada sem fins lucrativos, desde 2012. O contrato com a prefeitura terminou em abril, mas foi prolongado até 28 de Setembro. Uma nova prorrogação está sendo negociada.

 

+ Brasileiro espalha ‘lambe-lambes’ por Veneza e choca parte da cidade

 

A Cidade das Artes também pode ser fechada.  Ela vive o mesmo problema de recursos e é gerida por uma fundação municipal. Recentemente, a então Secretária de Cultura do município, Mariana Ribas, pediu demissão no dia 06 de Agosto. A Cidade das Artes abriga eventos de música, teatro, dança e artes plásticas, desde 2013.

 

Por fim, siga Portal Mundo no  Instagram e YouTube para mais

• Já viu nossos vídeos? Não? Então conheça a TVMundo e desfrute do nosso conteúdo audiovisual!

 

Entrevista com VJ Vacão – Mundo Psicodélico Festival 2018

 

 

Entrevista com Mandragora – Mundo Psicodélico Festival 2018

 

 

Tem um concurso incrível rolando para o Mundo Psicodélico Festival 2019. Clique e concorra a 4 passaportes + brindes!

Comentários