Música em 8D: tecnologia permite sentir sons com o cérebro

Música em 8D: tecnologia permite sentir sons com o cérebro

música 8D

A nova técnica de música 8D conquistou a internet e ganhou canais no YouTube especialistas em transformar os hits do momento. Grandes musicas já aparecem na rede em versões modificadas.

 

mundo store

 

É um tipo de som diferente, que parece vir de todas as direções. Mas só é possível perceber os efeitos da música 8D utilizando um fone de ouvido, e a sensação é que a música está circulando na cabeça.

 

 

Música 8D no cérebro

 

Primeiramente, coloque os fones e comece a ler o post ouvindo a música abaixo.  Você terá uma experiência bem diferente:

 

Alan Walker – Faded (8D AUDIO)

 

 

Mas o que é Música em 8D?

 

Mesmo sendo a música o grande propulsor de discussões nas redes socais, o universo cinematográfico e dos games já o explora há tempos. Além disso, a Teoria da Holofonia criada pelo cientista Hugo Zuccareli nos anos 1980 já nos preparava para isso.

 

Com um conceito similar ao de exposição de hologramas, em que uma imagem é exposta de diversos pontos, criando um ambiente multidimensional, os sons são reproduzidos de diversos pontos, fechando um “círculo” e criando o som multidimensional, um holograma sonoro. Primeiramente, Zuccareli fez o teste com a cabeça de um manequim. Ele implantou pequenos microfones próximos de onde seriam as orelhas e os expôs a esse campo sonoro multidimensional, experimentando ruídos simples, como barulhos de tesouras e caixas de fósforo.

 

+ Vini Vici é anunciado no Mundo Psicodélico Festival 2019

+  Guerra à Netflix: gigante americana começa a perder assinantes 

 

Os microfones captaram a proveniência dos sons da mesma forma que o sistema auditivo humano. Nossas orelhas funcionam como receptores que rebatem a proveniência do som para detectar se ele vem de trás ou frente, de cima ou de baixo; e a parte interna do ouvido se comunica para entender se a onda sonora vem mais à direita ou à esquerda, fechando aí o processo que acontece no nosso sentido da audição de holofonia, que serviu de base para se pensar em novas formas de percepção de som, incrementando a indústria do entretenimento e se desenvolvendo até hoje.

 

Embora tenhamos uma experiência completamente diferente ouvindo música em 8D e fazendo-se necessário a utilização dos fones de ouvido para que o som “ande” por dentro da cabeça, não há riscos significativos em ouvir 2, 3 ou 15 faixas. Valendo somente a recomendação do Conselho Federal de Fonoaudiologia e a OMS quanto ao volume e tempo sem pausas que expomos nossos ouvidos a qualquer som ou barulho.

 

Música em 8D e software de edição de áudio

 

Existem inúmeros DAWs (Digital Audio Workstations) que são softwares para trabalhar com áudio, tais como: Logic, ProTools, Sonar, Audacity e Ableton. Eles oferecem diversas ferramentas de manipulação de áudio.

 

+ Como manter o hábito da leitura em um mundo audiovisual

 

É possível fazer coisas incríveis com estes DAWs – desde você gravar o som de uma pessoa amassando uma folha de papel e transformar este som em algo parecido com uma explosão, até você gravar o som de um violino no seu próprio quarto e fazer o violino soar como se estivesse em uma enorme catedral.

 

O mundo da gravação e produção musical é fascinante, não é? Assim, com estes softwares que você edita os sons, aplicando efeitos como PAN e REVERB que irão dar as sensações da Música 8D.

 

Por fim, siga Portal Mundo no Instagram, YouTube e Facebook

Já viu nossos vídeos? Não? Então conheça a TVMundo e desfrute do nosso conteúdo audiovisual!

 

Entrevista com Ventania – Mundo Psicodélico Festival 2018

 

 

Entrevista com Mandragora – Mundo Psicodélico Festival 2018

 

 

Tem um concurso incrível rolando para o Mundo Psicodélico Festival 2019. Clique e concorra a 4 passaportes + brindes da marca!

 

 

Comentários