O que é um orgasmo cerebral (ASMR)?

O que é um orgasmo cerebral (ASMR)?

orgasmo cerebral asmr portal mundo

Um orgasmo cerebral refere-se a uma experiência sensorial recentemente reconhecida onde algumas pessoas tem em resposta a estímulos específicos.

 

O orgasmo cerebral está relacionado principalmente com o ASMR — um intrigante conjunto de estímulos que provoca uma resposta sensorial autônoma do meridiano cerebral.

 

>>>Participe do grupo do Portal Mundo no WhatsApp e receba primeiro as notícias.

Link Patrocinado:

 

Outros termos usados para descrever as sensações que o ASMR provoca são: formigamento cerebral, orgasmo mental, orgasmo cerebral, relaxamento extremo, entre outros.

 

Explicamos em outro post, com mais detalhes, o que é exatamente ASMR pelo prisma da ciência e o que sabemos dos efeitos desses estímulos.

 

Essa sensação é descrita como um calor agradável, até eufórico, formigante e/ou sensação de relaxamento que chega em ondas pela cabeça, pescoço e coluna vertebral.

Este fenômeno é frequentemente desencadeado por experiências auditivas e/ou visuais calmantes. Uma série de estímulos calmantes pode induzir a experiência, como vídeos de sussurros suaves, atenção cuidadosa ou coisas, tarefas ou atividades aparentemente mundanas, como escovar o cabelo, fazer um exame de vista, comer ou arquivar papéis.

Link Patrocinado:

 

Leia também:

 

 

 

Os sons de gatilho, muitas vezes incluem mastigação, batidas, arranhões, amassados ​​ou ruídos eletrônicos.

 

A sensação de orgasmo cerebral pode ser desencadeada no mundo real, mas muitas vezes é procurada intencionalmente online.

 

Desde que o fenômeno foi batizado pela primeira vez em 2010, o conceito de ASMR ou orgasmo cerebral explodiu nas redes sociais, com o mundo agora aparentemente separado entre aqueles que experimentam e buscam a sensação e aqueles que não a compreendem.

Artistas ASMR se tornaram criadores de conteúdo de extremo renome e alcance ao redor do mundo.

História

O termo para essa experiência, resposta sensorial autônoma do meridiano, é creditado a Jennifer Allen, que o cunhou em 2010. Ela havia passado anos tentando descobrir mais sobre essa estranha experiência; no entanto, durante anos, suas pesquisas intermitentes na Internet para obter mais informações não tiveram resultados.

 

Sensação Estranha

Tudo mudou quando ela encontrou uma postagem de 2007 no quadro de mensagens SteadyHealth sobre uma sensação estranha que era boa”, uma descrição que parecia muito semelhante ao que ela estava sentindo.

 

Esse fórum inicial reuniu pessoas que também vivenciaram esse fenômeno e levou à criação de uma comunidade crescente, blogs e sites, e ao compartilhamento de experiências.

 

ASMR é o nome científico que Allen criou para dar mais legitimidade à sensação. Ela supôs corretamente que “orgasmo cerebral” e “formigamento na cabeça” podem não ser levados tão a sério.

 

Allen selecionou os componentes do nome “resposta sensorial autônoma do meridiano” para capturar com eficácia a sensação de energia interna, temporária, semelhante a um pico, que ela e uma comunidade crescente de outras pessoas vinham sentindo ocasionalmente ao longo de suas vidas.

 

Allen então criou um grupo no Facebook chamado “ASMR Group” que atraiu um grande número de seguidores, eventualmente atraindo participantes em todo o mundo.

Link Patrocinado:

 

>>>Participe do grupo do Portal Mundo no WhatsApp e receba primeiro as notícias.

 

Uma vez que as pessoas deram um nome para esse fenômeno prazeroso que muitos sentiam o tempo todo, ele rapidamente ganhou popularidade. Logo, os criadores de conteúdo decolaram com a ideia e começaram a fazer toneladas de vídeos descrevendo a experiência, bem como conduzindo as pessoas por ela.

 

Como ter um orgasmo cerebral com ASMR

 

Para algumas pessoas, não há como se envolver em ASMR. Para outros, pode ser necessário mais esforço para chegar lá — e outros ainda podem tentar, mas nunca alcançar a sensação.

 

Para aqueles que acham mais intuitivo, a experiência pode acontecer naturalmente em seu dia a dia. Na verdade, muitas pessoas relatam experimentá-lo pela primeira vez na adolescência.

 

Link Patrocinado:

 

No entanto, outros também descobrem orgasmos cerebrais ou formigamentos em plena idade adulta.

 

A área do cérebro estimulada parece estar relacionada à força com que uma pessoa foi acionada pelo estímulo, mas também varia de pessoa para pessoa. As reações mais intensas tendem a viajar para mais longe no corpo, ao longo da coluna e às vezes são sentidas nas pernas e braços.

 

Gatilhos ASMR comuns

Os gatilhos de ASMR são altamente individuais, mas existem gatilhos comuns compartilhados por muitos que vivenciam esse fenômeno. 

Abaixo estão os estímulos audiovisuais mais eficazes relatados pelos participantes em um estudo:

 

  • Sussurrando (75%)
  • Atenção pessoal (69%)
  • Sons nítidos (64%)
  • Movimentos lentos (53%)
  • Movimentos repetitivos (36%)
  • Sorrindo (13%)

 

Embora seja difícil saber como (ou se) você responderá ao tentar experimentar essa sensação, existem algumas técnicas simples que você pode seguir para tentar induzir uma resposta sensorial autônoma do meridiano.

 

Em primeiro lugar, entenda que os gatilhos parecem ser altamente variáveis ​​em relação à preferência pessoal, embora, conforme observado acima, haja temas comuns para os métodos mais eficazes.

 
Link Patrocinado:
 

Em geral, formigamentos na cabeça muitas vezes acontecem em resposta a sons suaves e repetitivos, como batidas, farfalhar, esmagamento ou toque e de vozes suaves e sussurradas em uma variedade de cenários, especialmente aqueles que estão próximos e / ou envolvendo cuidados pessoais, como como se a pessoa fizesse um tratamento facial ou tocasse levemente seu rosto e cabeça.

 

Outra variável a ser considerada é que alguns vídeos oferecem cenários muito mais elaborados (ou dramatizações), enquanto outros são muito simples (como apenas sons ou sussurros) — talvez seja necessário fazer experiências para descobrir o que funciona para você.

 

Você encontrará uma variedade de ambas as opções (e tudo mais) online.

 

Essencialmente, qualquer coisa que evoque sensações de bem-estar, relaxamento, ser cuidado ou fale com você de alguma forma pode funcionar para obter essa resposta.

 

Provavelmente, se você fosse uma pessoa que pudesse experimentar essa sensação na vida real, como durante alguma situação real, você já saberia disso. 

 

Portanto, a melhor maneira de descobrir o ASMR é simplesmente procurar vídeos que podem ser interessantes para você e testá-los (mais dicas úteis abaixo).

 
Link Patrocinado:

 

Potenciais benefícios do ASMR

A pesquisa sobre ASMR ainda está em seus estágios iniciais, então ainda há muito a aprender. No entanto, há evidências esmagadoras de benefícios significativos para a saúde mental e física para pessoas que tem orgasmos cerebrais com ASMR, bem como algumas evidências de pesquisas emergentes para apoiar essas afirmações.

 

Pessoas que praticam ASMR defendem seus benefícios como calmantes, relaxantes e meditativos — além de muito agradáveis.

 

Relatos de experiências com ASMR também parecem compartilhar algumas características com o estado de “fluxo”, que é o estado de foco intenso e consciência diminuída da passagem do tempo que geralmente está associado ao desempenho ideal em atividades como esportes.

 
Link Patrocinado:
 

Estudos que foram realizados de forma consistente descobriram que muitos participantes usam ASMR para alcançar os seguintes benefícios:

 
  • Redução da ansiedade
  • Regulação emocional
  • Entretenimento
  • Sentimentos de conexão interpessoal
  • Humor melhorado
  • Aumento de positividade
  • Atenção plena
  • Redução da dor
  • Relaxamento
  • Sono, tanto para ajudá-los a adormecer quanto para melhorar a qualidade do sono
  • Alívio de estresse
 

Frequência cardíaca reduzida com ASMR

A pesquisa mostra que os orgasmos cerebrais resultam em efeitos fisiológicos mensuráveis, incluindo diminuição da frequência cardíaca e aumento da condutividade da pele – um exemplo das respostas simultâneas de desativação e ativação mencionadas acima.

 

Curiosamente, a mesma pesquisa mostra que as reduções na frequência cardíaca encontradas durante o ASMR são comparáveis ​​às alcançadas em terapias de redução do estresse baseadas na música e ainda mais eficazes do que alguns programas de alívio do estresse baseados na atenção plena.

 

Humor aprimorado depois do orgasmo cerebral

Estudos mostram que o envolvimento com o conteúdo ASMR melhora o humor e diminui o estresse na grande maioria dos telespectadores, incluindo aqueles com depressão e ansiedade . 

 

Na verdade, em um estudo, os participantes que tinham depressão experimentaram uma melhora maior no humor do que aqueles sem depressão.

 
Link Patrocinado:

 

Induzindo Sono

ASMR também é eficaz no combate à insônia. Muitas pessoas relatam o uso de ASMR logo antes de dormir para induzir o sono, e parte do conteúdo é feito explicitamente para essa finalidade.

 

Conectividade aumentada

O ASMR também pode combater a solidão . Há pesquisas significativas mostrando que o isolamento social e a solidão contribuem para o declínio da saúde. 

Link Patrocinado:

 

O ASMR pode oferecer uma maneira para as pessoas aumentarem os sentimentos de conexão, o que, por sua vez, pode influenciar positivamente sua saúde física. 

 

Na verdade, um estudo de meta-revisão de 2015 descobriu que tanto o isolamento social percebido quanto o real produzem um fator de risco substancial para mortalidade precoce.

 

Link Patrocinado:

 

Canais de ASMR populares

A maioria dos criadores de conteúdo ASMR mais bem-sucedidos e conhecidos são mulheres jovens, como mencionado acima, que sussurram, encenam cenários como toalhas dobradas ou papel amassado e orquestram outros sons perto da câmera.

 

Alguns desses fabricantes falam diretamente com seus espectadores e os conduzem pela experiência, enquanto outros simplesmente criam os estímulos.

 

Alguns dos mais populares, que têm muitos milhões de devotos entre eles, incluem o seguinte:

 

 

* Texto traduzido e adaptado de um extenso levantamento feito pelo VeryWellMind

**Foto de capa: Reprodução/Lilliana Dee

 

Convido você a testar essa nova experiência. Conta pra gente nos comentários, o que você sentiu?

>>>Participe do grupo do Portal Mundo no WhatsApp e receba primeiro as notícias.

 

 

 

Comentários
Link Patrocinado:

Biólogo, Fotógrafo e aluno do Instituto de Botânica de São Paulo. Atua no Portal Mundo como Editor-Chefe de Redação e Conteúdo e na Tv Mundo como Diretor.